Mais um secretário de Belém que não dura se quer 4 meses no cargo

Nesta sexta-feira (29), foi publicada a exoneração do secretário de administração da prefeitura de Belém (PB), Ney Guimarães Marthins. A saída consta no Diário Oficial do Município.

Conforme a Portaria de Nº 071/2022 , a exoneração é válida a partir de 29 de abril de 2022.

O agora ex-secretário assumiu a pasta no dia 3 de janeiro de 2022, conforme publicação no Diário Oficial do Município, e após quatro meses foi exonerado da pasta.

Em 2014, Ney foi denunciado pelo Ministério Público Federal (MPF) por improbidade administrativa. De acordo com o Ministério Público, Ney supostamente com o ex-prefeito de Arara e ex-presidente do Impa, José Ernesto Santos, emitiram documentos ideologicamente falsos para conseguir firmar convênios com a União.

O impresionante é que mesmo com essas dennuncias contra o ex-secretário, mesmo assim a prefeita Aline Barbosa, o contratou para assumir a pasta administrativa, o que será que se pretendia? 

E outra pergunta que não quer calar com tantas pessoas capacitadas que votaram na gestora da cidade porque trazer uma pessoa de outra cidade pra servir o primeiro escalão do municipio?




Com Portal do Brejo

Share on Google Plus

Postado por: Revista Novo Perfil

“O Mundo não lembra dos que não se fazem lembrar”. Anuncie Conosco. Contato: TIM (83) 999-386-921 E-mail: revistanovoperfil@hotmail.com
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comments :

Postar um comentário