Morre a poetisa Marisa Alverga, ex-secretária de Cultura de Guarabira

 


A cidade de Guarabira e a Paraíba estão de luto com o falecimento da poetisa Marisa Alverga, ocorrido na manhã deste sábado, no Hospital Edson Ramalho, em João Pessoa, vítima de complicações de uma cirurgia no intestino a que foi submetida na noite da ultima sexta-feira (17).

Apaixonada pelo Flamengo e pelas artes, Marisa viveu a vida inteira engajada com à produção literária, ao teatro, à comunicação, à educação e ao esporte, na condição de gerente do SESC por muitos anos. Autora de vários livros, era a única guarabirense viva registrada como verbete.

Em 2014, Marisa lançou seu livro “Encontro e Desencontros”, em Manhattan, Estados Unidos da América, a convite do guarabirense Gerlúcio, que vive nos EUA e promove eventos para a comunidade brasileira.

Marisa sempre foi uma mulher a frente do seu tempo, enfrentou desafios na vida e teve uma perda que nunca conseguiu superar, a morte do seu filho, escritor Geraldo Alverga, que faleceu quando tinha apenas 28 anos. Em homenagem, o tetro da cidade, instalado na gestão do então prefeito Zenóbio Toscano (falecido em junho de 2020) recebe o nome de Geraldo Alverga.

Em 2017, por iniciativa do deputado Zenóbio Toscano, a Assembleia Legislativa da Paraíba outorgou a Marisa Alverga a honraria da Medalha Augusto dos Anjos, pelos relevantes serviços prestados à cultura.

Amigo da família, o radialista Humberto Santos publicou nas redes sociais o comunicado e nota de falecimento, informando o ocorrido e detalhando em que condições Marisa faleceu.

NOTA DE FALECIMENTO

Márcia Alverga e Joãozinho alverga (filhos); Maísa Alverga e Mairla Alverga (netas); Zé  Alverga (irmão) e Betinho Alves (genro) cumprem o doloroso dever de comunicar o falecimento de Maria da Luz Alverga Cabral ( Marisa Alverga) – Professora, escritora, poetisa, radialista e ex-secretária de Cultura de Guarabira.

A poetisa Marisa Alverga foi submetida a uma cirurgia de urgência no intestino, ontem à noite, no Hospital Edson Ramalho, em João Pessoa, e infelizmente não resistiu, falecendo neste sábado, 18 de setembro, no mesmo hospital, às 5h da manhã.

Repercussão

O prefeito de Guarabira, Marcus Diôgo, em rede social, lamentou a morte da poetisa e considerou como “perda dolorosa”.

“Acabo de receber a notícia do falecimento da poetisa guarabirense, Marisa Alverga. Minhas condolências para toda família. Que Deus conceda a força necessária para juntos enfrentarem essa perda dolorosa”.

Muitos amigos e admiradores de Marisa Alverga estão postando mensagem de solidariedade e reconhecimento por tudo que pelas artes em toda sua existência.

Fonte Portal25horas

Share on Google Plus

Postado por: Revista Novo Perfil

“O Mundo não lembra dos que não se fazem lembrar”. Anuncie Conosco. Contato: TIM (83) 999-386-921 E-mail: revistanovoperfil@hotmail.com
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comments :

Postar um comentário