LÁBIOS E PELES PÁLIDOS: Homem diz que menina de 15 anos morreu após sexo; polícia investiga

 A Polícia do estado de São Paulo investiga morte de uma menina de 15 anos que foi levada ao hospital por um homem de 26 anos, que disse que estava saindo com ela. Gabrielly Dickson Alves Nascimento deu entrada na UPA Jardim Casqueiro, em Cubatão, com quadro de parada cardiorrespiratória.

O auxiliar de serviços gerais que estava com a adolescente disse à polícia que os dois mantinham relação sexual dentro do carro quando ele percebeu que a vítima estava desfalecida.


Segundo ele, Gabrielly apresentava lábios e peles pálidos e suas mãos estavam contorcidas para trás.

Nota da Secretaria de Segurança Pública (SSP) do estado diz que os enfermeiros que a atenderam afirmaram à polícia que a adolescente deu entrada na unidade de saúde inconsciente e com sangramento nas partes íntimas. Não havia, no entanto, marcas de agressão.

De acordo com o G1, a família de Gabrielly não tinha conhecimento do relacionamento entre os dois e também não sabia se a menina tinha alguma doença pré-existente.

A nota da SSP ainda informa que o caso foi registrado como morte suspeita pela Delegacia Sede de Cubatão e que foram solicitados exames periciais.

Créditos: Metrópoles



Share on Google Plus

Postado por: Revista Novo Perfil

“O Mundo não lembra dos que não se fazem lembrar”. Anuncie Conosco. Contato: TIM (83) 999-386-921 E-mail: revistanovoperfil@hotmail.com
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comments :

Postar um comentário