Justiça julga improcedente denúncia da oposição de Tacima contra chapa de Xató

 A justiça eleitoral julgou improcedente uma denúncia contra o prefeito de Tacima-PB, Xató e sua vice Jackeline, a ação foi ajuizada pelo candidato derrotado Eluilson de Souza Arcanjo.

O denunciante alegava na ação que o prefeito e a vice teria cometido irregularidades na transferência de títulos eleitorais na eleição de 2020 como forma de se beneficiar no resultado do pleito. O Ministério Público eleitoral não viu provas suficientes do ocorrido e opinou pela não procedência.

A decisão de afastar tais irregularidades foi da juíza Clara de Farias Queiroz, na sentença ela julgou no mesmo entendimento de não procedimento do crime.

Sentença (2)

Blog do Felipe Silva




Share on Google Plus

Postado por: Revista Novo Perfil

“O Mundo não lembra dos que não se fazem lembrar”. Anuncie Conosco. Contato: TIM (83) 999-386-921 E-mail: revistanovoperfil@hotmail.com
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comments :

Postar um comentário