Júri é suspenso em Guarabira por grande número de infectados com Covid-19





A juíza de Guarabira, Flávia Fernanda Aguiar Silvestre, suspendeu um júri que seria realizado na manhã de hoje no município por causa do “quantitativo de pessoas infectadas” pelo novo coronavírus. O contágio pelo Covid-19 só foi percebido quando os integrantes do júri chegaram e foram submetidos ao teste rápido.

“O teste rápido é realizado naquelas pessoas que são sorteadas para o júri. As que não são sorteadas, aguardam o resultado porque eventualmente alguém pode testar positivo e precisar ser substituído. Hoje, foram 18 positivos. Não havia como realizar o júri”, explicou a magistrada ao ParlamentoPB.

Segundo ela, até setembro, o número de pessoas testavam positivo no momento do júri era de 1 ou 2, no máximo.

O caso que seria julgado hoje era o assassinato de Catarina Soares da Silva, cujo acusado é José Adailton de Oliveira Alves. O júri foi remarcado para janeiro.




Share on Google Plus

Postado por: Revista Novo Perfil

“O Mundo não lembra dos que não se fazem lembrar”. Anuncie Conosco. Contato: TIM (83) 999-386-921 E-mail: revistanovoperfil@hotmail.com
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário