11 ANOS APÓS O CRIME: Alexandre Nardoni vai para regime semiaberto e MP vai recorrer

A Justiça concedeu o regime semiaberto a Alexandre Nardoni. Ele havia sido condenado a 30 anos e dois meses de prisão pela morte da filha Isabella, em 2008. Preso em uma penitenciária em Tremembé (SP) há 11 anos, o detento pleiteava o regime mais brando desde setembro de 2018.

A decisão pelo semiaberto foi dada pela juíza Sueli Zeraik, da 1ª Vara de Execuções Criminais (VEC) de Taubaté. O Ministério Público informou que vai recorrer da decisão. No semi-aberto, existe a possibilidade de o detento trabalhar fora da unidade durante o dia e voltar somente para dormir.

Caso tenha bom comportamento, ele poderá deixar a prisão por até 35 dias ao ano, durante as saídas temporárias. Nardoni e sua mulher, Anna Carolina, sempre negaram ter matado Isabella, de 5 anos. Anna Carolina desfruta do semiaberto desde 2017.
Isabella Nardoni foi jogada do apartamento do pai – reproduções

Relembre o caso

Em março de 2008, Isabella Nardoni, filha de Alexandre, foi jogada do sexto andar do Edifício London, em São Paulo. O pai e a madrasta da menina foram condenados por homicídio doloso qualificado.

Em depoimento, Alexandre afirmou que o prédio onde mora fora assaltado e a menina teria sido jogada por um dos bandidos. Dias depois, a investigação constatou que a tela de proteção da janela do apartamento foi cortada para que a menina fosse jogada e que havia marcas de sangue no quarto da criança.



Fonte: Meia Hora




Créditos: Meia Hora
Share on Google Plus

Postado por: Revista Novo Perfil

“O Mundo não lembra dos que não se fazem lembrar”. Anuncie Conosco. Contato: TIM (83) 999-386-921 E-mail: revistanovoperfil@hotmail.com
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário